Pesquisar este blog

quinta-feira, maio 27, 2010

Conceito de prenome, sobrenome, agnome, axiônimo e hipocorístico.

Prenome é o nome de um indivíduo que precede o apelido de família (sobrenome) na forma de designar as pessoas. Exemplos de prenomes comuns são: Roberto, João, Carlos, Maria, Joana, Paula etc. O prenome também é conhecido como nome de batismo.
A cada pessoa podem ser atribuídos um ou mais prenomes quando nasce ou quando é batizada, exemplos de prenomes compostos: Ana Paula, Carlos Alberto, Roberto Carlos etc.
Sobrenome ou apelido de família é a porção do nome do indivíduo que está relacionada com a sua ascendência.
Agnome é usado para designar uma parte do nome de um indivíduo que o diferencia de seus homônimos. De fato, algumas famílias possuem membros com o mesmo prenome e sobrenome, sendo que, para diferenciá-los, é acrescido a eles um agnome, como Júnior, Filho, Neto, Sobrinho.
Axiônimo é a designação das formas protocolares, corteses ou respeitosas de tratamento, expressões de reverência, títulos honoríficos, como exemplos: V. Exª, V.S., Dr., Vossa Santidade etc.
Hipocorístico também chamado de epíteto, cognome ou, mais comumente conhecido como pseudônimo, o hipocorístico é um apelido pelo qual a pessoa é conhecida.
Exemplos: António - Tonho, Toninho, Francisco - Chico, José - Zé, Beatriz – Bia, entre outros.

8 comentários:

  1. E qual é o nome dado aos "da" e "dos" dos sobrenomes "da Silva" ou "dos Santos"? Também são sobrenomes? Eu poderia dizer que o sobrenome Silva não é Silva e sim "da Silva"?

    ResponderExcluir
  2. Pode ser inscrito os SOBRENOMES: JUNIOR, NETO, OU FILHO, após o nome da criança. exemplo: PEDRO NETO DA SILVA PEREIRA?

    ResponderExcluir
  3. Excelente super bem explicado!

    ResponderExcluir
  4. Qual a utilização prática dessa classificação?

    ResponderExcluir